01 setembro 2010

# glóssa

o mundo parece 1 grande funeral. mas ainda bem. quantos mais morrerem mais silêncio

para te ouvir chegar.

só fui transportada de lugar. porque doía muito.

agora podes vir na forma que quiseres. mas vem numa que apanhe velocidade. e grande e forte. para metermos medo à passagem.


de resto

dão-me algodão doce e maçãs vermelhas caramelizadas e assim.

Sem comentários: