16 julho 2008

muB 08 parte 2

já não me apetece muito falar do muB 08 porque já passou muito tempo. mas ficava mal. se tem uma parte 1...
então:
1. grande Museu D. Diogo de Sousa
2. ainda bem que alguém se mexe nesta cidade
3. não fui no 1º dia. e foi uma merda porque podia ter visto os VortexSoundTech. que gosto muito. e está lá o nuno m cardoso que é amigo e inteligente e mais coisas (e não sei onde pára o myspace dele. depois ponho)
4. não achei piada nenhuma ao aparelho da treta das impressões digitais. fucking body code
5. público de grilo. não sei para que é que o jaime manso andou para aí a dizer nos jornais que o festival ia ter uma afluência de 4.000 pessoas. nem sei como se escreve isso (gosto de ti na mesma, jaime. e assim que puder vou à tua loja comprar vinis para oferecer)
6. tive pena de não ver muito tempo o video da velha-a-branca. uma retrospectiva das actividades. é o tipo de coisa que gosto. e bem teria ficado na relva horas a ver isso
7. não liguei muito à música do 2º dia
8. quando fui à casa de banho pensei porque não teriam convidado a censura prévia ac (não vou pôr links porque está tudo desactualizado)para participar no festival. mas isso passou-me logo porque me lembrei que a censura prévia ac é marginal, underground, iconoclasta e etc. que disparate. isto é um festival normal
9. não sei para que é que o festival foi divulgado como o maior evento musical do ano. acho que fica mal, que é mentira e que não tem propósito
10. tive pena de apanhar uma curta do josé saramago quase quase no fim. uma demonstração do festival FILMINHO
11. estive muito bem a conversar na relva
12. mas estava muito frio
13. e começaram a passar umas curtas do festival fast forward. e eu isso já não acho muito piada
14. bem mais pessoas no 3º dia
15. e pronto. já disse que iLiKEiLiKETRAiNS. gosto da estética. foi muito muito bom. e foi a primeira vez que estiveram em portugal. e foi em braga. merecia mais público
16. é uma pena ter sido corrida pelos seguranças à 1h00. não é hora nenhuma de festival nenhum terminar. cidade impressionante
17. e eva, obrigada
18. e não me apetece nem sei falar de mais nada
ufa...

Sem comentários: